PROPOSTA DE MODELO DE MEDIÇÕES PARA CONTRATAÇÃO DO GERENCIAMENTO DE PROCESSO DE NEGÓCIO (BUSINESS PROCESS MANAGEMENT- BPM)

Angelica Toffano Seidel Calazans, Ricardo Ajax Dias Kosloski, Fernando de Albuquerque Guimarães

Abstract


O Gerenciamento de Processo de Negócio (Business Process Management- BPM) tem sido uma prática adotada pelas organizações públicas e privadas. O BPM possibilita a identificação eficaz das necessidades e das informações necessárias para suportar a operacionalização ou a automatização do processo de negócio. Considerando que as organizações têm necessitado terceirizar esse serviço, o objetivo desse trabalho foi propor um modelo de medição para contratação dos serviços de BPM. Para atender a esse objetivo, o modelo conceitual construído partiu da premissa que a gestão da contratação de um BPM deve fornecer critérios para mensurar a demanda, ou serviço, avaliar a qualidade dos serviços prestados e a qualidade do produto recebido. O estudo adotou como instrumentos de coleta de dados a pesquisa documental e a revisão sistemática. Com base nos objetivos e questões de pesquisa foram identificados os strings para busca, definidas as fontes de busca, critérios de inclusão e exclusão dos resultados. Todos os trabalhos selecionados foram lidos e analisados e foi utilizado um mapa mental para consolidação dos resultados. Foi utilizado o GQM (Goal, Questions, Metrics) para a elaboração das medições e adotado o estudo de caso. Parte das medições propostas foram aplicadas em 13 modelos de processo de negócio do mundo real com o objetivo de verificar sua coerência e comparar os resultados. Foi realizada entrevista com especialista em modelagem de processos de negócios para avaliar os resultados obtidos e, na percepção deste especialista a maior parte das métricas propostas pela pesquisa é adequada à realidade de mercado, considerando o contexto de terceirização desse serviço.

Keywords


Gerenciamento do Processo de Negócio, BPM, métricas, modelo de medições, qualidade, modelagem

References


ABPMP (2009). Guia para o Gerenciamento de Processos de Negócio Corpo Comum de Conhecimento, BPM CBOK Versão 2.0 – Terceira liberação em Português.

ABPMP Brazil. (2014). BPM CBOK V3.0: Guia para o Gerenciamento de Processos de Negócio - Corpo Comum de Conhecimento, 3ª edição (3a ed.). ABPMP Brazil.

ABREU, Fernando Brito, PORCIUNCULA, Raquel de Bragança V. da. FREITAS, Jorge Manuel Freitas, COSTA, José Carlos (2010). Definition and Validation of Metrics for ITSM Process Models. Seventh International Conference on the Quality of Information and Communications Technology.

ANCINE (2008). Agência Nacional do Cinema – ANCINE. Contratação de Serviços de desenvolvimento e manutenção de sistemas informatizados. Concorrência 1/2008.

AVERSANO, Lerina, BODHUIN, Thierry, CANFORA, Gerardo, TORTORELLA, Maria (2004). A Framework for Measuring Business Processes Based on GQM. Proceedings of the 37th Hawaii International Conference on System Sciences, IEEE.

BASILI, Victor, CALDIERA, G, ROMBACH, H. D. (1994). The Goal Question Metric Approach. Encyclopedia of Software Engineering, Wiley.

BRASIL (1993). Lei n° 8.666, de 21 de junho de 1993. Regulamenta o art. 37, inciso XXI, da Constituição Federal, institui normas para licitações e contratos da Administração Pública e dá outras providências. 1993. Disponível em:. Acesso em: 16 ago. 2011.

BRASIL (2008). Instrução Normativa SLTI n° 4, de 19 de maio de 2008. Dispõe sobre o processo de contratação de serviços de Tecnologia da Informação pela Administração Pública Federal direta, autárquica e fundacional. 2008. Disponível em: . Acesso em: 26 fev. 2011.

BRASIL (2008). Ministério do Trabalho e Emprego, Secretaria executiva, Subsecretaria de planejamento, orçamento e administração, Coordenação-geral de recursos logísticos. Edital da concorrência nº 01/2008, Processo Nº 46130.001488/2007-92, 2008.

BRASIL (2009). Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico – CNPQ. Contratação de serviços especializados em TI, na área de desenvolvimento e manutenção de sistemas de informação. Concorrência 004/2009.

BRASIL (2011). Guia Referencial para Gestão de Processos no Governo, Governo Brasileiro, Comitê Executivo de Governo Eletrônico, e-PING – Padrões de Interoperabilidade de Governo Eletrônico, Março.

BRASIL (2012). Ministério do Planejamento, Orçamento e Gestão, Secretaria de Logística e Tecnologia da Informação. Roteiro de Métricas de Software do SISP Versão 2.0.

CARDOSO, Jorge (2006). Process control-flow complexity metric: An empirical validation.IEEE International Conference on Services Computing (SCC’06).

CARDOSO.J, MENDLING.J, NEUMAN.J, REIJERS.H.A. (2006). A discourse on complexity of process models, In: Eder, J.; Dustdar, S. et al, editors, BPM 2006 workshops. Lecture Notes in Computer Science 4103, Springer-Verlag, Berlin, pp. 115-126.

CARDOSO, Jorge (2008). Business process control flow complexity: metric, evaluation, and validation. International Journal of Web Services Research, Vol.5, n.2.

CASTILHO, Jr (2009). O detalhamento do processo de desenvolvimento de produtos integrado ao gerenciamento do processo de negócios (BPM), Curitiba, 2009. 159 p. Dissertação (Mestrado) – Pontifícia Universidade do Paraná, Curitiba, PR.

DAVENPORT, T.H. (1994). Reengenharia de processos. Rio de Janeiro: CAMPUS.

ERIKSSON, Hans-Erik, PENKER, Magnus (2011). Business Modeling with UML. In: Business Modeling with UML:Business Patterns at Work (Wiley). Disponível em: http://www.opentraining.com. Acesso em: 20 jul. 2011.

GHANI, Abdul Azim Abdul, MUKETHA, Koh Tieng, WEI, Geoffrey Muchiri, WEI, Wong Pei (2008). Complexity Metrics for Measuring the Understandability and Maintainability of Business Process Models using Goal-Question-Metric (GQM). IJCSNS International Journal of Computer Science and Network Security, VOL.8 No.5, May 2008.

ITGI (2007). INFORMATION TECHNOLOGY GOVERNANCE INSTITUTE - ITGI. COBIT - Control Objectives for Information and related Technology. 4.1. ed. Rolling Meadows: ITGI, 2007. Disponível em: . Acesso em: 16 ago. 2011.

KHLIF, Wiem, MAKNI, Lobna, ZAABOUB, Nahla, BEN-ABDALLAH, Hanene (2008). Quality metrics for business process modeling. Proceedings of the 9th WSEAS International Conference on Applied Computer Science.

KHLIF, Wiem, ZAABOUB, Nahla, BEN-ABDALLAH, Hanene (2010). Coupling metrics for business process modeling.International Journal of Computers, Issue 4, Volume 4.

KOLHBACHER, Florian (2006). The use of qualitative content analysis in the case study research. Forum: Qualitative Social Research, V. 7, n.1, art. 21, Jan.

KVALE, Steinar. (1996). Interviews: an introduction to qualitative research interviewing. California: Sage publications.

LASSEN, Kristian Bisgaard, AALST, Wil M. P. van der (2009) Complexity metrics for Workflow nets. Information and Software Technology, v. 51, Elsevier. p.p. 610–626.

MONSALVE, Carlos, ABRAN, Alain, APRIL, Alain (2011). Measuring software functional size from Business Process Models. Wourd Scientific: International Journal of Software Engineering and Knowledge Engineering. Vol. 21, No. 3 p.p.311–338.

OEI (2011). Organização dos Estados Ibero-americanos para a Educação, a Ciência e a Cultura- OEI, Projeto OEI/ BRA/09/004.

MUKETHA, G. M., GHANI, A. A. A., SELAMAT, H. A., ATAN, R (2010a). A survey of a business process complexity metrics. Information Technology Journal 9(7), p.1336-1344.

MUKETHA, G. M., GHANI, A. A. A., SELAMAT, H. A.; ATAN, R (2010b). Complexity metrics for executable business process. Information Technology Journal 9(7), p.1317-1326

OVERHAGE, Sven, BIRKMEIER, Dominik Q,; SCHLAUDERER, Sebastian (2012). Quality Marks, Metrics, and Measurement Procedures for Business Process Models. Business & Information Systems Engineering v.5.

PEREIRA, Raquel Teixeira, LORENZONI, Luciano Lessa, BARROS, João Paulo Soares de, RESENDO, Leandro Colombi, DUBKE, Alessandra Fraga (2009). Técnicas recentes para a modelagem de processos: Recomendações gerais. XXIX Encontro nacional de engenharia de produção.

RATIONAL SOFTWARE (2008). Rational Unified Process 7.0.1. IBM. Acessado em 27/02/2011. Disponível em http://www.wthreex.com/rup/. Acesso em: 20 jan. 2012.

SÁNCHEZ-GONZÁLEZ, Laura, GARCÍA, Félix, RUIZ, Francisco, MENDLING, Jan (2012) . Quality indicators for business process models from a gateway complexity perspective. Information and Software Technology. v.54 p.p. 1159–1174.

SILVA, Jaguaraci Batista, SABA, Hugo (2008). Modelagem das áreas de processo do CMMI usando Business Process Management e Software Process Engineering Metamodel Specification. Infocomp.

TELEBRAS(2011). Tecomunicações Brasileiras S/A – TELEBRÁS, PREGÃO ELETRÔNICO SRP Nº 26/2011, Processo 0143/2011.

TONBUL, Gokcen, MISRA, Sanjay (2009). Error density metrics for business process model. ISCIS IEEE METU Northern Cyprus Campus. Set.

TRIVINOS, Augusto N.S.(1987). Introdução à pesquisa em ciências sociais: a pesquisa qualitativa na educação.São Paulo: Atlas,175 p.

VANDERFEESTEN, Irene, REIJERS, Hajo A., AALST, Wil M. P. van der (2008) Evaluating workflow process designs using cohesion and coupling metrics. Elsevier: Computers in Industry v.59, p.p. 420–437.

XAVIER, Laís, ALENCAR, Fernanda, CASTRO, Jaelson, PIMENTEL, João (2009). Integração de Requisitos Não-Funcionais a Processos de Negócio: Integrando BPMN e NFR. Centro de Informática, Universidade Federal de Pernambuco.

YEONGSEOK, Lee, JUNGHYUN, Bae, SEOKKOO, Shin (2005). Development of Quality Evaluation Metrics for BPM (Business Process Management) System. Proceedings of the Fourth Annual ACIS International Conference on Computer and Information Science (ICIS’05), IEEE.




DOI: http://dx.doi.org/10.4301/S1807-17752016000200007

Licensed under